Topo do Governo de Pernambuco
Link para Barra do Governo do Estado de Pernambuco PortalPE - pgina histria de Pernambuco PortalPE - pgina Perfil do Gorvenador PortalPE - pgina Secretarias do Estado PortalPE - pgina Programas do Governo PortalPE - pgina ltimasNotcias PortalPE - pgina Servios Online PortalPE - pgina Rdio SEI

Not�cias

Not�cias

Publicado em 02/05/2013 | Categoria: Informe/Agenda
Voltar

Chuvas melhoram situao das barragens em Pernambuco

Coletiva_29.04_SRHE_APAC_CompesaEm conversa com a imprensa nesta segunda-feira (29.04), o secretário de Recursos Hídricos e Energéticos, José Almir Cirilo, o diretor presidente da Agência Pernambucana de Águas e Clima (APAC) e o diretor regional agreste e matas da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Leonardo Selva, fizeram um balanço do impacto das chuvas ocorridas em Pernambuco para o abastecimento de água.


De acordo com dados da Agência Pernambucana de Águas e Clima, as precipitações têm sido muito positivas em alguns locais com os índices de precipitação ficando acima do esperado para o período. “Em cerca de 11 municípios houve chuva acima da média no mês de abril”, destacou o diretor presidente da APAC,  Marcelo Asfora.


O secretário de Recursos Hídricos e Energéticos de Pernambuco, José Almir Cirilo, informou que as chuvas trazem boas perspectivas para melhoria no abastecimento do Recife, já que com as chuvas, o principal manancial que abastece a Região Metropolitana do Recife, a barragem de Pirapama, aumentou seu volume de acumulação de água de 12% para 25,5% da capacidade total.  “Tivemos uma grata surpresa com o aumento da temperatura dos oceanos que ocasionou duas precipitações significativas nos últimos dias. A barragem de Pirapama dobrou o volume que tínhamos acumulado 15 dias atrás”, explicou.


De acordo com o secretário ainda há muita água chegando às barragens devido às últimas chuvas e a SRHE vai continuar acompanhando a evolução da acumulação para definir como ficará o abastecimento na  capital e RMR. “Se a chuva continuar com intensidade, poderemos pensar em antecipar o fim do racionamento no Recife, que iniciamos em março e deveria se prolongar até o final de maio”, explicou Cirilo.


No interior do estado, as chuvas também já trouxeram impactos positivos. “Nosso otimismo está crescendo. Até em cidades como Arcoverde onde a estiagem estava trazendo muitos problemas tem chovido razoavelmente”, lembrou o secretário. De acordo com o diretor regional da Compesa, Leonardo Selva, responsável pela região agreste e matas, cidades como Águas Belas, Camocim de São Félix, Angelim, Palmerina, São Benedito do Sul, Lajedo, Gravatá e Pombos saíram do colapso no abastecimento, devido à ocorrência das chuvas.